0

Guarda de um cachorro: Como funciona?

O que fazer para conseguir a guarda de um cachorro?

Quem não gosta de bichinho de estimação, não é? Dificilmente as pessoas não ficam apegadas ao seu pet querido, portanto a guarda de um cachorro pode ficar em pauta quando um casal decide ter um animal durante o relacionamento e depois há a separação. O que fazer neste momento?

Este membro da família acaba sendo tema de discussão, quem ficará com a guarda do cachorro? Quais são os direitos do casal quando ambos querem ficar com o cachorro?

Primeiramente você deve saber que não existe uma lei prevista que garante com quem irá ficar o cachorro. Ou seja, quem ficará encarregado de tomar a decisão, caso você queira resolver judicialmente, será o Juiz.

Quais fatos são relevantes para que a guarda de um cachorro seja concedida?

Simplesmente não há meios de você querer ficar com a guarda de um cachorro se sua vida cotidiana é agitada, ou seja, passa pelo menos 12h fora de casa e não tem tempo para usar com a atenção que é necessária para dar ao cachorro.

O cachorro sempre prefere aqueles que são mais apegados a ele, que respeitam mais os seus desejos e lhe dão mais atenção.

O cão sempre respeita mais aquele que tem pulso firme, que passa mais tempo com ele, que precisamente é pai ou mãe.

Quem tem as melhores condições financeiras para tratar do cachorro é um ponto muito importante para ser considerado. Pois um pet precisa de visitas periódicas ao veterinário, vacinas, medicamentos e uma ração de qualidade exemplar.

Portanto, o juiz sempre irá pender para o lado que melhor irá atender as necessidades do cão. Se você tem tempo para passear, condições financeiras, tempo para estar com o pet, obviamente que a causa será sua.

Caso contrário, não fique chateado, podem-se negociar visitas periódicas para que a saudade seja sanada.

Deixe uma resposta

Entre em Contato
Precisa de Ajuda?
Peça um orçamento em nosso Whatsapp